Clarice-se



  Minha primeira experiência ouvindo Clarice foi através de um vídeo do Parafernalha, logo no início do canal. Clarice cantava meiga e lindamente a música "Uma canção sobre amor, ah, o amor..." Assista ao vídeo, aqui.

  Me lembro do quão genial achei aquela letra, e apesar de nunca ter escutado nada parecido com aquele estilo fofo e um tanto maníaco, me familiarizei rapidamente.

  Sendo ela uma das minhas cantoras favoritas, nunca pode faltar músicas dela nas minhas playlists. Hoje, separei minhas canções favoritas, do EP e do novo álbum, para mostrar a você. Enjoy it ♥




 Tenho um carinho especial pelo EP, primeiro por ser mais Voz e Violão, segundo por ser nostálgico.

Monomania ♥

Capitão Gancho ♥

Oitavo Andar ♥

A gente voltou

Eu me lembro

Essa é pra você

Macaé



 Tenho um carinho especial pelo Problema Meu (nome do álbum), primeiro por ser mais Voz e Tudo quanto é instrumento musical que existe, segundo por ser Clarice. A docilidade da voz contrastante com o tom maníaco das músicas, é simplesmente um charme.

Deve Ter Sido Eu ♥


Eu já não amo mais você
Mas eu ainda odeio essa menina
Eu já joguei no lixo o seu tênis, seu casaco e seu isqueiro
Mas eu sei que se por alguma mágica
O prato dela vem com amendoim e ela é alérgica
E o cozinheiro só repete assim: Cadê a lógica?
Se ela for parar no hospital passando muito mal
Deve ter sido eu

Escolhi Você

A Volta do Mecenas

Banho de Piscina ♥

Como é que eu vou dizer que acabou ♥


Músicas com "♥", são as que nunca faltam em minhas playlists.

  Sou compositora, e toda vez que componho alguma música, meus amigos quando ouvem, dizem: - "Nossa... tu gosta de Clarice, né?!" E é claro que a resposta é: -"Você acha? Claaro!"

  Com certeza, ouvir as canções da Clarice me inspiram muito. As composições dela me incentivam a escrever sobre o que eu quiser, e do modo como eu quero, sem toda aquela questão de estar politicamente correto ou não.


Espero que você tenha gostado da indicação ☺

Clarice-se, pois hoje o dia está ótimo para uma Monomania ♥



X! Até a próxima ►

Compartilhe:

0 comentários