1# Quadro ainda sem nome -Primeiro dia de aula na faculdade ♥

Hey you 

Eu e as e meninas estivemos pensando em coisas novas para o cantinho . Coisas novas estão por vir .
Tivemos a ideia de fazer um quadro  tipo uma "mesa redonda" onde cada uma contará uma experiência ou dará uma opinião sobre algo .
O quadro ainda nao tem nome , e muito menos temas , então ,se tiverem alguma ideia de tema podem deixar abaixo que nós amaremos fazer.
Para estrear o quadro sem nome , decidimos falar sobre como foi nosso primeiro dia de aula na Faculdade  depois das férias .
Espero que gostem ♥

 Confissões De Uma Veterana 

Caros (as) leitores(as), confesso que pequei.



Bom dia, boa tarde ou boa noite (não sei que horas esse post será publicado, então sigam o fuso horário em que você estiver lendo isso :p ). 

Hoje, dia 03 de fevereiro de 2016, às 19h 30min (horário de Rondônia meu povo), retornaram minhas aulas.Minhas férias começaram em dezembro do ano passado (passei em tudo, graças ao bom Deus!) e até então eu não via a hora de elas chegarem, pois já estava exausta de tantos trabalhos, provas, atividades e todas essas frescuragens de faculdade. Mas, como diz um famoso ditado popular, "o ser humano nunca se contenta com o que tem". Tinha milhares de planos para minhas férias, mas a verdade é que passei praticamente dois meses enfiada dentro de casa, mofando na frente do computador vendo séries, animes, filmes ou lendo. Okay, confesso que isso é legal, mas fazer exatamente a mesma coisas, todos os dias, é um tanto entediante! E pra completar, meu namorado ainda viaja pro Rio Grande do Sul (inveja mortal dele!!!). 



Resumindo: loucamente, eu não via a hora das aulas voltarem e eu finalmente poder rever meus amigos e meu boy magia (meu namorado heuheuhe).
*invasão da Pathy : Boy Vader magia sombrio das trevas . Continuemos*

Estou no meu segundo ano na faculdade, terceiro período de Arquitetura e Urbanismo para ser mais especifica. Sou uma veterana agora 3:) Ano passado, não apenas eu, mas praticamente todos na minha turma, fomos vítimas do famoso e desgraçado TROTE. Esse ano seria a nossa tão esperada oportunidade de nos vingarmos, descontando em outros inocentes calouros (a vida não é fácil...) as magoas que guardamos por todo um ano.

Minha turma criou um grupo no whatsapp especificamente para discutirem e planejarem tudo. A principio não me juntei a eles, pois sou uma pessoa da paz (sqn), mas por motivos que até eu não compreendo muito bem, acabei me deixando levar para o lado negro da força.



Feitos os planos, fomos todos preparados para a "guerra". Eu moro em uma cidade próxima a que fica a minha faculdade (aproximadamente 70 km, 1 hora de viagem pra ir e outra pra voltar....todos os dias....) e tenho uma colega de sala que vai no mesmo ônibus. Saímos às 17h 30min. Assim que entrei no ônibus já vi alguns veteranos arrastarem os calouros para o fundo do busão, ou seja, a treta já ia começar ali. Dessa maldade eu não participei, mas assisti de camarote (hehe). Estava me preparando para quando chegasse a minha vez.

Chegando na facul, só estava eu e minha colega que vem no busão comigo e já imaginei que a galera havia desistido, mas logo aviste a luz (nesse caso a nossa querida Pathy)*Me ama pessoa* no fim do túnel (corredor). Logo quase todos já estávamos reunidos, mas os "bixinhos" já estavam na sala e as aulas já iam começar. Fomos para a nossa sala também e ficamos confinados até o intervalo (prof. ama a gente de mais e não quis deixar sair), mas houve aqueles que se rebelaram e foram para a frente do campo de batalha aguardar, na tocai, os calouros. Quando desci com o restante da tropa, já haviam capturado uma vítima. A primeira e única que conseguimos. Quando vi aquela pobre criatura, já toda manchada de tinta de carimbo ou sei lá o que era aquilo, lembrei-me da minha própria experiência e senti uma compaixão invadir meu coração. Por um momento vacilei e pensei em desistir de fazer parte daquilo, mas já era tarde de mais. Já havia gastado R$10,00 em armamento e não podia voltar atrás. A Pathy foi uma das que desistiram, mas eu fechei os olhos (mentira... é só pra fazer o draminha), respirei fundo e retomei as forças. Pegue minha arma e parti para cima do calouro. Junto com minha colega de turma e de ônibus, relutantes, jogamos nossa arma na vitima.

Eis aqui a arma do crime:



Uma vez feito, não podia mais voltar atrás. O calouro ficou todo cheio de glitter dourado e azul, da cabeça ao pés (e nós também, pois se tem uma coisa que gruda na pele, sem que você perceba, é esse negócio de purpurina... isso não é de Deus!). 

Senti-me feliz e ao mesmo tempo malvada pelo meu feito. Foi uma experiência inexplicável. Depois de dada a minha contribuição para a "guerra", fiquei de tocai com a Pathy e alguns outros amigos durante o resto da noite, mas acabou que não pegamos mais nenhum bixo.

E assim foi o meu primeiro dia de aula. A luta terminou, mas a guerra continua. Acredito que durante todo o resto dessa semana novas vitimas aparecerão, mas eu, como uma veterana da paz e da compaixão, apenas observarei. 

Aos calouros, dou os meus pêsames às suas roupas e pele (principais alvos) e desejo, de coração, um ano letivo muito abençoado.

 lembrem-se: Façam o que eu digo, mas não façam o que eu faço! ◕‿◕ 


Hey you


Ao contrario da tia Tayná eu consegui sobreviver muito bem esses dois meses mofando no sofá lendo e assistindo séries sem problema algum.Não sei ao certo mas não estava com saudades das aulas ainda , ano passado foi bem puxado e sei bem que esse ano será BEM pior , então não tive pressa e  curti ficar fazendo minhas maratonas e relaxando .
Quando as aulas começaram a se aproximar fui visitar meus parentes , dizer que estava viva e sair um pouco da frente da TV . Isso Depois de passar  ma semana maratonando Doctor Who sem parar kkkkkk ♥

Voltei e vi que meus amigos haviam criado um grupo para o trote e  resolvi participar .
Lembrei do meu primeiro dia de aula, o quanto eu estava animada / desesperada . 
Eu tive sorte de uma amiga de infância estar estudando na mesma sala que eu , e fomos juntos para a tao sonhada faculdade.
Lembro que quando eu entrei fiquei bobinha , eu tinha conseguido . Ia começar a estudar algo que eu sempre quis e seria mais fácil que a escola , ate porque só teria coisas que eu gosto , PURA ILUSÃO . 
Com o decorrer das aulas percebi que até para ser algo que sonhamos e ate gostamos , temos que passar por alguns obstáculos , no caso matemática  , física , resistência dos matérias e blablabla .
Fui com uma roupa velha logo no primeiro dia só por preocupação . Fiquei ate a hora do intervalo sem ser pega até que do nada um rapaz ENORME pulou na minha frente berrando e gritando"É BIXO É BIXO " e eu fui puxada para fora da faculdade , pintada ,suja , e com os seguranças e policiais rindo da minha cara .
Eu tive muita sorte , meus veteranos me ouviram e não pegaram pesado , fui riscada e  pintada até onde eu permiti . Isso foi legal . Minha amiga nao teve tanta sorte kkkkk
As  aulas voltaram ontem , confesso que não estava muito empolgada com a aula em si , muitos amigos tiveram que sair do curso e ficou um vazio estranho na sala .mas fiquei MUITO feliz em ver meus amigos e colocar as fofocas em dia .

Quando fomos pegar os bixos  tive esse momento de nostalgia e nao consegui sequer rabiscar a cara do Bixo .
Mas hoje acredito que eles nao terão tanta sorte . 
Nossa turma chegou ao consenso de nao cortar cabelo e roupa , ou seja , nossos bixos so  usarão placas e serão pintados . Eé claro , participarão se quiserem , nada forçado.
Nao queremos espantar ninguém , longe disso , queremos  que passem por esse "ritual" se quiserem ,para marcar o inicio da nova fase da vida deles .

Pra ser bem direta... Não consigo imaginar, ao certo, como seria meu primeiro dia de aula na faculdade. Mas, hipoteticamente falando...


 Acredito que, assim como eu, vários outros calouros estariam eufóricos com o sentimento de vitória carregado no peito, e que depois de tantas baterias de exercícios, aulas complementares e crises de existência - rs - alcançamos o tão sonhado objetivo. E na sala, ao olhar as pessoas ao meu redor, veria não mais tantos concorrentes, mas seres vitoriosos que assim como eu, talvez ainda não estivessem acreditando que aquilo tudo estaria acontecendo.


 Minhas expectativas para o primeiro dia de aula são basicamente "vontades". Vontade de sair abraçando todo mundo... Vontade de rir a toa, a qualquer hora e em qualquer lugar... Vontade de mal poder esperar pelo próximo dia para conhecer o restante dos professores e, a cada dia, aprender mais e mais com cada um deles... Vontade, simplesmente, de olhar para o meu reflexo no espelho, e falar, por meio de um suspiro,  " - Nossa, eu consegui..." ... Ah, claro, sem contar na vontade de encontrar alguma maneira mirabolante de evitar o trote, a esperança é a última que morre. 
Seria um dia muito feliz.
*Invasão da Pathy novamente : Querida Bruninha , que lindo ler essa esperança , ano que vem nessa mesma época perguntarei de novo como se sente kkkkkk quanto ao  trote não se iluda , calouro de medicina tem uma forte tendencia de ser um bixo sofrido , com muito amor sua frozen da bahia *

Bem galera por hoje é isso , ESSAS foram as nossas experiencias . O que acharam dessa ideia de quadro ? Sobre o que gostariam que nós falássemos ?
Como foi o primeiro dia de aula de vocês ? me contem que eu AMOO ler tudinho que vocês escrevem .
Beijinhos de luz e até a próxima ♥


Compartilhe:

4 comentários

  1. Gostei muito da ideia! Ainda não comecei a faculdade, só entro no segunda semestre, to super ansiosa rs. Eu sinceramente acho que ''mesa redonda'' é um nome bem legal e combina com o tema (:

    rasgadojeans.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Samara , espero que ocorra tudo bem no seu primeiro dia *u* estaremos torcendo ♥
      Muito obrigada pela sugestão ♥

      Excluir
  2. Olá, tudo bem?
    Adorei o post, me identifiquei com algumas coisas, tive meu primeiro dia de aula na faculdade essa semana também e foi maravilhoso :)

    ✩ Voando Sem Peter ✩

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ooi , ficamos muito feliz que tenha gostado *-* ♥

      Excluir